Empresa Junior

O Programa UFMS Júnior visa fomentar a cultura do empreendedorismo no meio acadêmico por meio do apoio, direcionamento e acompanhamento das atividades de fundação e manutenção de Empresas Juniores no âmbito da UFMS.

Participar de uma Empresa Junior é uma experiência enriquecedora para o estudante de graduação, uma vez que proporciona a oportunidade de desenvolver atividades profissionais, colocando em prática os conteúdos aprendidos em sala. A EJ estimula a percepção do mercado de trabalho, pois envolve criação de projetos, cumprimento de prazos, geração de ideias e apresentação de resultados, nas mais diversas áreas de atuação.

Além disso, as atividades das empresas juniores também são benéficas para o desenvolvimento das Micro e Pequenas empresas de uma região, uma vez que estas não costumam possuir capital para contratar serviços de consultoria sênior.

Finalidades do Programa UFMS Júnior:

I – fomentar a cultura do empreendedorismo entre os estudantes integrantes do seu quadro;

II – Por meio das Empresas Juniores contribuir com a sociedade, por meio de prestação de serviços, de qualidade a preços acessíveis; e

III – Melhorar as condições de aprendizado em nível superior, mediante a aplicação da teoria dada em sala de aula na prática do mercado de trabalho.”

IV – facilitar a inserção dos estudantes no mercado de trabalho, por meio da interação com empresas, associações e entidades afins.

Quais os passos para criação de uma Empresa Júnior?

A Empresa Júnior deverá ser constituída por estudantes de graduação, legalmente matriculados em seus respectivos cursos, na UFMS, com o objetivo de desenvolverem estudos e/ ou trabalhos voltados para empresas, entidades e sociedade em geral, nas suas respectivas áreas de atuação.

A área de atuação de cada Empresa Júnior deverá ser restrita aos conteúdos curriculares dos cursos a ela vinculados.

Para a constituição da Empresa Júnior os estudantes interessados deverão, no processo de sua criação, divulgar amplamente a proposta no âmbito de sua Unidade da Administração Setorial, com o objetivo de proporcionar participação coletiva dos seus pares na referida empresa.

A ata da reunião de criação da Empresa Júnior se constituirá no documento que comprova a sua constituição, devendo ser assinada pelos presentes e registrada em Cartório.

A criação da Empresa Júnior deverá ser aprovada pelo Colegiado de Curso de Graduação e pelo Conselho da Unidade da Administração Setorial correspondente.

Procedimentos necessários para solicitação de Reconhecimento como Empresa Júnior no âmbito da UFMS nos termos da Resolução n° 62 de 25 de julho de 2017:

1ª etapa – Cadastro no site do Programa UFMS Júnior e envio dos seguintes documentos:

a) ata de fundação e ata de eleição da diretoria;

b) Plano Acadêmico com participação do professor orientador aprovado pela unidade;

c) anteprojeto do estatuto.

* Após a primeira etapa, aguardar declaração da Aginova para providenciar o registro dos documentos junto aos órgãos competentes.

2ª etapa – Envio dos seguintes documentos pelo site:

a) ata de fundação e ata de eleição da diretoria com registro em Cartório;
b) estatuto registrado em Cartório;
c) cadastro nacional de pessoa jurídica;
d) termo de autorização, destinado a Aginova, para acesso aos documentos e
informações administrativas e financeiras gerados pela EJ; e
e) conta bancária própria.

* Após a 2ª etapa, aguardar emissão da Portaria de Reconhecimento para formalizar o pedido de uso de espaço.

Download do termo do item d)

Termo de acesso a documentos