INPI divulga indicadores de patentes solicitadas no Brasil

Postado por: Inovação UFMS

O Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI) divulgou no dia 2 de agosto dados e estimativas sobre patentes no Brasil referentes ao período de 2005 a 2014. Do primeiro ano citado até 2011, os pedidos cresceram 31% e a expectativa é crescer mais 57% até 2014, chegando a cerca de 50 mil pedidos anuais no País, incluindo estrangeiros e nacionais. Em 2005, foram feitos 24.096 depósitos de patentes no INPI, contra 31.765 em 2011. A estimativa é atingir 35 mil pedidos em 2012 e 42 mil no ano que vem.

Os dados indicam ainda que, a partir dos índices de 2011, os pedidos de não residentes representam cerca de 75%, contra apenas 25% dos residentes. Em 2011, por exemplo, foram 24.001 pedidos de não residentes e 7.764 de residentes. Entre os pedidos de residentes, há forte presença dos Modelos de Utilidade, que quase não são usados pelos não residentes.

Os números completos estão em:
http://www.inpi.gov.br/images/stories/300712_Depstios_Patentes_2005_a_2014.pdf

(Com informações do INPI)

 

Fonte: Anpei.org.br